Liturgia Diária – 6 de setembro

0
331

Segunda-feira da 23ª semana do Tempo Comum

Leituras da Missa

Santos em destaque

São Zacarias – Igreja de São Miguel, Gante (Bélgica)

Santos Donaciano, Presídio, Mansueto, Germano, Fúsculo e Leto, bispos (†séc. V). Com o intuito de implantar o arianismo, Hunerico, rei dos vândalos, os reuniu em Cartago. Leto foi martirizado e os demais exilados, por defenderem a verdadeira doutrina.

São Canoaldo, Bispo (†c. 632).Discípulo de São Columbano,falecido em Laon, França. Foi seu único auxiliar no Ermo de Bregenz, junto ao lago Constança.

São Zacarias, Profeta. Fez inúmeras profecias a respeito do Messias, entre as quais a do Domingo de Ramos: “Exulta de alegria, filha de Sião, (…)  eis que vem a ti o teu rei, justo e vitorioso; ele é simples e vem montado num jumento” (Zac. 9, 9).

Santo Onesíforo (†s. I). Discípulo de São Paulo que muito auxiliou o apóstolo em Éfeso e no cativeiro em Roma.

Santo Eleutério, abade italiano, séc. VI.

Santa Bega (†660). Princesa irlandesa, renunciou ao casamento com um príncipe norueguês para entrar na vida monástica. Fundou o mosteiro de Bee’s, na Inglaterra, do qual foi abadessa até sua morte.

Beato Bertrand de Garrigues, presbítero (†c. 1230). Discípulo de São Domingos, foi prior do convento de Toulouse e depois fundou conventos em Paris, Avignon e Montpellier.

Beato Diego Llorca Llopis, presbítero e mártir (†1936). Sacerdote secular preso e fuzilado em
Alicante, Espanha, aos quarenta anos de idade.

Beato Miguel Czartoryski, mártir († 1944). Sacerdote da Ordem Dominicana, morto em Varsóvia (Polônia) durante a invasão comunista.

Beato Pascual Torres Lloret, mártir (†1936). Pai de família fuzilado durante a Guerra Civil Espanhola por esconder livros, objetos sagrados e mesmo o Santíssimo Sacramento.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online

Leituras da Missa

Primeira leitura: Cl 1,24-2,3

Irmãos, 24alegro-me de tudo o que já sofri por vós e procuro completar, na minha própria carne, o que falta das tribulações de Cristo, em solidariedade com o seu corpo, isto é, a Igreja. 25A ela eu sirvo, exercendo o cargo que Deus me confiou de vos transmitir a Palavra de Deus em sua plenitude: 26o mistério escondido por séculos e gerações, mas agora revelado aos seus santos. 27A estes Deus quis manifestar como é rico e glorioso entre as nações este mistério: a presença de Cristo em vós, a esperança da glória. 28Nós o anunciamos, admoestando a todos e ensinando a todos, com toda sabedoria, para a todos tornar perfeitos em sua união com Cristo. 29Para isso eu me esforço com todo o empenho, sustentado pela sua força, que em mim opera. 2,1Quero, pois, que saibais que luta difícil sustento por vós, pelos fiéis de Laodiceia e por tantos outros que não me conhecem pessoalmente, 2para que sejam consolados e se mantenham unidos na caridade, para que eles cheguem a entender, profunda e plenamente, o mistério de Deus Pai e de Cristo Jesus, 3no qual estão encerrados todos os tesouros da sabedoria e da ciência.

Salmo: Sl 61(62), 6-7.9 (R. 8a)
R. A minha glória e salvação estão em Deus.

6Só em Deus a minha alma tem repouso, *porque dele é que me vem a salvação! 7Só ele é meu rochedo e salvação, *a fortaleza, onde encontro segurança! R.

9Povo todo, esperai sempre no Senhor, +e abri diante dele o coração: *nosso Deus é um refúgio para nós! R.

Evangelho: Lc 6, 6-11

Aconteceu, num dia de sábado, 6que Jesus entrou na sinagoga e começou a ensinar. Aí havia um homem cuja mão direita era seca. 7Os mestres da Lei e os fariseus o observavam, para verem se Jesus iria curá-lo em dia de sábado e assim encontrarem motivo para acusá-lo. 8Jesus, porém, conhecendo seus pensamentos, disse ao homem da mão seca: “Levanta-te e fica aqui no meio”. Ele se levantou e ficou de pé. 9Disse-lhes Jesus: “Eu vos pergunto, o que é permitido fazer no sábado: o bem ou o mal, salvar uma vida ou deixar que se perca?” 10Então Jesus olhou para todos os que estavam ao seu redor e disse ao homem: “Estende a tua mão”. O homem assim o fez e sua mão ficou curada. 11Eles ficaram com muita raiva e começaram a discutir entre si sobre o que poderiam fazer contra Jesus.

Artigo anteriorLiturgia Diária – 5 de setembro
Próximo artigoLiturgia Diária – 7 de setembro
Artigos não assinados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui