Liturgia Diária – 6 de outubro

1
741

Quarta-feira da 27ª semana do Tempo Comum

Leituras da Missa

São Bruno – Paróquia São João Batista, Ilhas Canárias (Espanha)

Santos em destaque

São Bruno, presbítero e monge, nascido na Alemanha, fundador da Ordem dos Cartuxos. Foi mestre de teologia em Reims, onde teve por alunos São Hugo de Grenoble e o futuro Papa Urbano II, do qual foi conselheiro. Faleceu em 1101. Ver também: Um imenso turíbulo.

São Francisco Tran Van Trung, mártir (†1858). Soldado do exército imperial do Vietnã que, recusando-se a pisotear a Cruz, foi torturado e decapitado.

Santa Maria Francisca das Chagas de Nosso Senhor Jesus Cristo, virgem (†1791). Terciária franciscana, destacou-se por sua paciência nas tribulações e adversidades, bem como pelas penitências e pelo amor de Deus e das almas, em Nápoles, Itália.

Beata Maria Rosa Durocher – Igreja de Jesus, Montreal (Canada)

Beato Adalberon de Würzburg, Bispo (†1090). Foi perseguido pelos cismáticos e expulso de sua Diocese de Würzburg, Alemanha, por haver defendido a Sé Apostólica.

Beato Isidoro de São José de Loor, religioso (†1916). Irmão leigo passionista, faleceu aos 35 anos em Courtrai, na Bélgica, dando exemplo de aceitação dos atrozes sofrimentos provocados pela doença.

Beatos João e Tecla Hashimoto Tahyoe e companheiros, mártires (†1619). Casal cruelmente martirizado em Kioto, Japão, junto com seus cinco filhos e mais quarenta e quatro cristãos.

Beata Maria Rosa Durocher, virgem (†1849). Fundou em Longueuil, Canadá, a Congregação das Irmãs dos Santos Nomes de Jesus e Maria, para a formação da juventude feminina.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online

Leituras da Missa

Primeira leitura: Jn 4, 1-11

1Este desfecho causou em Jonas profunda mágoa e irritação; 2orou então ao Senhor, dizendo: “Peço-te me ouças, Senhor: não era isso que eu receava quando ainda estava em minha terra? Por isso, antecipei-me, fugindo para Társis. Sabia que és um Deus benigno e misericordioso, paciente e cheio de bondade, e que facilmente perdoas a punição. 3E agora, Senhor, peço que me tires a minha vida, para mim é melhor morrer do que viver”. 4Disse o Senhor: “Achas que tens boas razões para irar-te?” 5Jonas saiu da cidade e estabeleceu-se na parte oriental; e ali fez para si uma cabana, onde repousava à sombra, a ver o que ia acontecer à cidade. 6O Senhor Deus fez nascer uma hera, que cresceu sobre a cabana, para dar sombra à cabeça de Jonas e abrandar seu aborrecimento. E Jonas alegrou-se grandemente por causa da hera. 7Mas, ao raiar do dia seguinte, Deus determinou que um verme atacasse a hera, e ela secou. 8Quando o sol se levantou, mandou Deus do oriente um vento quente; e o sol bateu forte sobre a cabeça de Jonas, que se sentiu desfalecer; teve vontade de morrer e disse: “Para mim é melhor morrer do que viver”. 9Disse Deus a Jonas: “Achas que tens boas razões para irar-te por esta hera?” “Sim”, respondeu ele, “tenho razão até para morrer de raiva”. 10O Senhor replicou-lhe: “Tu sofres por causa desta planta, que não te custou trabalho e não fizeste crescer, que nasceu numa noite e na outra morreu. 11E eu não haveria de salvar esta grande cidade de Nínive, em que vivem cento e vinte mil seres humanos que não sabem distinguir a mão direita da esquerda e um grande número de animais?”

Salmo responsorial: Sl 85(86, 3-4.5-6.9-10 (R. 15b)
R. Ó Senhor, sois amor, paciência e perdão.

3Piedade de mim, ó Senhor, *porque clamo por vós todo o dia! 4Animai e alegrai vosso servo, *pois a vós eu elevo a minh’alma. R.

5Ó Senhor, vós sois bom e clemente, *sois perdão para quem vos invoca. 6Escutai, ó Senhor, minha prece, *o lamento da minha oração! R.

9As nações que criastes virão *adorar e louvar vosso nome. 10Sois tão grande e fazeis maravilhas: *vós somente sois Deus e Senhor! R.

Evangelho: Lc 11, 1-4

1Um dia, Jesus estava rezando num certo lugar. Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe: “Senhor, ensina-nos a rezar, como também João ensinou a seus discípulos”. 2Jesus respondeu: “Quando rezardes, dizei: ‘Pai, santificado seja o teu nome. Venha o teu Reino. 3Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos 4e perdoa-nos os nossos pecados, pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores; e não nos deixes cair em tentação’”.

Artigo anteriorLiturgia Diária – 5 de outubro
Próximo artigoLiturgia Diária – 7 de outubro
Artigos não assinados

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui