Dia 26 de novembro

0
87

Quinta-feira da 34ª semana do Tempo Comum

Leituras da Missa

Santos em destaque

 

São Leonardo de Porto Maurício – Museu dos Descalços, Lima – Foto: Gustavo Kralj

São Leonardo de Porto Maurício, presbítero (†1751). Sacerdote franciscano, empregou sua vida na pregação e na edição de livros de piedade. Participou de mais de trezentas missões na Itália. Ver também: Suplico-vos que mudeis de vida.

São Conrado, Bispo (†975). Bispo de Constança, Alemanha. Exímio pastor de sua grei, distribuiu com largueza seus bens em favor da Igreja e dos pobres.

Beata Delfina (†1358-60). Esposa de Santo Elzear de Sabran, Duque de Ariano (no Reino de Nápoles). Decidiram ambos viver em virgindade, como meio de alcançar a perfeição. Entrando na Ordem Terceira de São Francisco, dedicaram-se às obras de misericórdia.

São Sirício, Papa (†399). Santo Ambrósio o louva como verdadeiro mestre porque tomou sobre si a responsabilidade por todos os Bispos, os instruiu com os ensinamentos dos Santos Padres e os confirmou com sua autoridade apostólica.

São Silvestre Gozzolíni, abade (†1267). Ordenado sacerdote, exerceu inicialmente seu ministério na Catedral de Osimo (Itália), sua cidade natal. Presenciando a abertura do sepulcro de um parente, compreendeu toda a vaidade do mundo e passou a levar vida eremítica numa gruta, onde pouco depois outros jovens uniram-se a ele. Fundou vários mosteiros sob a Regra de São Bento, reconhecidos posteriormente como Congregação dos Silvestrinos.

São Nicão, monge (†998). Evangelizou a ilha de Creta, recém libertada do domínio sarraceno. Pregou depois na Grécia, onde faleceu num mosteiro fundado por ele, em Esparta.

Beatos Hugo Taylor, sacerdote, e Marmaduke Bowes, mártires (†1585). Executados durante o reinado de Isabel I da Inglaterra.

Beato Tiago Alberione, presbítero (†1971). Fundador da Pia Sociedade de São Paulo (Irmãos Paulinos, o primeiro dos dez ramos da Família Paulina), empenhou-se em usar os meios de comunicação social como instrumento de evangelização.

Beato Humilde Pirozzo, religioso (†1637). Frade franciscano do mosteiro da Calábria. Os Papas Gregório XV e Urbano VIII o consultaram sobre graves assuntos da Igreja.

Beata Caetana Stérni (†1889). Enviuvou-se muito jovem e fundou a Congregação das Irmãs da Divina Vontade, para assistência aos pobres e enfermos.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online

Leituras da Missa

Primeira leitura: Ap 18,1-2.21-23,19,1-3.9a

Eu, João, 1vi outro anjo descendo do céu. Tinha grande poder, e a terra ficou toda iluminada com a sua glória. 2Ele gritou com voz poderosa: “Caiu! Caiu Babilônia, a grande! Tornou-se morada de demônios, abrigo de todos os espíritos maus, abrigo de aves impuras e nojentas”. 21Nessa hora, um anjo poderoso levantou uma pedra do tamanho de uma grande pedra de moinho e atirou-a ao mar, dizendo: “Com esta força será lançada Babilônia, a grande cidade, e nunca mais será encontrada. 22E o canto de harpistas e músicos, de flautistas e tocadores de trombeta, em ti nunca mais se ouvirá; e nenhum artista de arte alguma em ti jamais se encontrará; e o canto do moinho em ti nunca mais se ouvirá; 23e a luz da lâmpada em ti nunca mais brilhará; e a voz do esposo e da esposa em ti nunca mais se ouvirá, porque os teus comerciantes eram os grandes da terra, e com magia tu enfeitiçaste todas as nações”. 19,1Depois disso, ouvi um forte rumor, de uma grande multidão no céu, que clamava: “Aleluia! A salvação, a glória e o poder pertencem ao nosso Deus, 2porque seus julgamentos são verdadeiros e justos. Sim, Deus julgou a grande prostituta, que corrompeu a terra com sua prostituição, e vingou nela o sangue dos seus servos”. 3E repetiram: “Aleluia! A fumaça dela fica subindo para toda a eternidade!” 9E um anjo me disse: “Escreve: felizes são os convidados para o banquete das núpcias do Cordeiro”.

Salmo responsorial:  Sl 99(100),2.3.4.5. (R/. Ap 19,9a)

R. São bem-aventurados os que foram convidados para a ceia nupcial das bodas do Cordeiro!

2.Aclamai o Senhor, ó terra inteira, † servi ao Senhor com alegria, ide a ele, cantando jubilosos! R.

3.Sabei que o Senhor, só ele, é Deus, † ele mesmo nos fez, e somos seus, nós somos seu povo e seu rebanho. R.

4.Entrai por suas portas dando graças, † e em seus átrios com hinos de louvor; dai-lhe graças, seu nome bendizei! R.

5.Sim, é bom o Senhor e nosso Deus, † sua bondade perdura para sempre, seu amor é fiel eternamente! R.

Evangelho: Lc 21,20-28

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 20“Quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, ficai sabendo que a sua destruição está próxima. 21Então, os que estiverem na Judeia devem fugir para as montanhas; os que estiverem no meio da cidade devem afastar-se; os que estiverem no campo não entrem na cidade. 22Pois esses dias são de vingança, para que se cumpra tudo o que dizem as Escrituras. 23Infelizes das mulheres grávidas e daquelas que estiverem amamentando naqueles dias, pois haverá uma grande calamidade na terra e ira contra este povo. 24Serão mortos pela espada e levados presos para todas as nações, e Jerusalém será pisada pelos infiéis, até que o tempo dos pagãos se complete. 25Haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. Na terra, as nações ficarão angustiadas, com pavor do barulho do mar e das ondas. 26Os homens vão desmaiar de medo só em pensar no que vai acontecer ao mundo, porque as forças do céu serão abaladas. 27Então eles verão o Filho do Homem vindo numa nuvem com grande poder e glória. 28Quando essas coisas começarem a acontecer, levantai-vos e erguei a cabeça, porque a vossa libertação está próxima”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui