Dia 10 de setembro

0
54

Quinta-feira da 23ª semana do Tempo Comum

Leituras da Missa

Santos em destaque

Cenas da vida de São Nicolás de Tolentino – Igreja de Santo Agustinho, Córdoba (Espanha)

São Nicolau de Tolentino, sacerdote (†1305). Da Ordem dos Eremitas de Santo Agostinho. Viveu em severos jejuns e constante oração. Foi grande pregador e confessor.

Santo Autberto, Bispo (†c.725). Bispo de Avranches, França, mandou construir no Mont Tombe um santuário em honra de São Miguel. O edifício, muito ampliado ao longo dos anos, é atualmente a famosa abadia do Mont Saint-Michel.

São Teodardo, Bispo e mártir (cerca de 670). Bispo de Tongres-Maastrich, mestre de São Lamberto.

Santo Ambrósio Eduardo Barlow, sacerdote e mártir (†1641). Da Ordem Beneditina, sustentou na fé e na piedade durante 24 anos os católicos da região de Lancaster, Inglaterra, enfrentando perigos e perseguições.

São Nemésio, mártir (†251). Denunciado como cristão ao imperador Emiliano, foi torturado e queimado.

Santa Pulquéria, imperatriz (†453). Filha de Arcádio, Imperador do Oriente. Aos quinze anos fez voto de virgindade e transformou seus aposentos num cenóbio. Seu exemplo modificou a corte. Exerceu importante papel na convocação do III Concílio de Éfeso.

Beatos Sebastião Kimura e Francisco Morales, presbíteros, e companheiros, mártires (†1622). Mortos em meio a cruéis torturas, juntamente com mais 50 católicos (sacerdotes, religiosos, casais, jovens, catequistas, viúvas e crianças), em Nagasaki, Japão.

Beato Tiago Gagnot, presbítero e mártir (†1794). Religioso carmelita que, durante a Revolução Francesa, foi encerrado numa sórdida embarcação em Rochefort, onde morreu consumido pelas enfermidades.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online

Leituras da Missa

Primeira leitura: 1Cor 8,1b-7.11-13

Irmãos, 1o conhecimento incha, a caridade é que constrói. 2Se alguém acha que conhece bem alguma coisa, ainda não sabe como deveria saber. 3Mas se alguém ama a Deus, ele é conhecido por Deus! 4Quanto ao comer as carnes de animais sacrificados aos ídolos, nós sabemos que um ídolo não é nada no mundo e que Deus é um só. 5É verdade que alguns são chamados deuses, no céu ou na terra, e muita gente pensa que existem muitos deuses e muitos senhores. 6Para nós, porém, existe um só Deus, o Pai, de quem vêm todos os seres e para quem nós existimos. E, ainda, para nós, existe um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual tudo existe, e nós também existimos por ele. 7Mas nem todos têm esse conhecimento. De fato, alguns, habituados, até o presente, ao culto dos ídolos, comem da carne dos sacrifícios como se ela fosse mesmo oferecida aos ídolos. E assim a sua consciência, que é fraca, fica manchada. 11E então, por causa do teu conhecimento, perece o fraco, o irmão pelo qual Cristo morreu. 12Pecando, assim, contra os irmãos e ferindo a consciência deles, que é fraca, é contra Cristo que pecais. 13Por isso, se um alimento é ocasião de queda para meu irmão, nunca mais comerei carne, para não escandalizar meu irmão.

Salmo responsorial: Sl 138(139),1-3. 13-14ab-23-24 (R.24b)

R. Conduzi-me no caminho para a vida, ó Senhor!

1Senhor, vós me sondais e conheceis, * 2sabeis quando me sento ou me levanto; de longe penetrais meus pensamentos, + 3percebeis quando me deito e quando eu ando, * os meus caminhos vos são todos conhecidos.

13Fostes vós que me formastes as entranhas, * e no seio de minha mãe vós me tecestes. 14aEu vos louvo e vos dou graças, ó Senhor, + porque de modo admirável me formastes! * 14bQue prodígio e maravilha as vossas obras! R.

23Senhor, sondai-me, conhecei meu coração, * examinai-me e provai meus pensamentos! 24Vede bem se não estou no mau caminho, * e conduzi-me no caminho para a vida! R.

Evangelho: Lc 6,27-38

Naquele tempo, falou Jesus aos seus discípulos: 27“A vós que me escutais, eu digo: amai os vossos inimigos e fazei o bem aos que vos odeiam, 28bendizei os que vos amaldiçoam e rezai por aqueles que vos caluniam. 29Se alguém te der uma bofetada numa face, oferece também a outra. Se alguém te tomar o manto, deixa-o levar também a túnica. 30Dá a quem te pedir e, se alguém tirar o que é teu, não peças que o devolva. 31O que vós desejais que os outros vos façam, fazei-o também vós a eles. 32Se amais somente aqueles que vos amam, que recompensa tereis? Até os pecadores amam aqueles que os amam. 33E se fazeis o bem somente aos que vos fazem o bem, que recompensa tereis? Até os pecadores fazem assim. 34E se emprestais somente àqueles de quem esperais receber, que recompensa tereis? Até os pecadores emprestam aos pecadores, para receber de volta a mesma quantia. 35Ao contrário, amai os vossos inimigos, fazei o bem e emprestai sem esperar coisa alguma em troca. Então, a vossa recompensa será grande, e sereis filhos do Altíssimo, porque Deus é bondoso também para com os ingratos e os maus. 36Sede misericordiosos, como também o vosso Pai é misericordioso. 37Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoai e sereis perdoados. 38Dai e vos será dado. Uma boa medida, calcada, sacudida, transbordante será colocada no vosso colo; porque, com a mesma medida com que medirdes os outros, vós também sereis medidos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui