Comentário ao Evangelho

(Role para baixo para ver os artigos)

O insuperável amor divino e humano de Jesus

Ao despedir-Se dos discípulos na Última Ceia, Nosso Senhor lhes externa auges do amor de seu Sagrado Coração, revelando o quanto quer a cada um não somente enquanto Deus e Redentor, mas também como amigo e irmão.

III Domingo da Páscoa – Ver, reconhecer e amar o Senhor!

Evangelho 13 Naquele mesmo dia, o primeiro da semana, dois dos discípulos de Jesus iam para um povoado chamado Emaús, distante onze quilômetros de Jerusalém. 14 Conversavam...

Profetas e apóstolos no século XXI?

O profeta, que rema contra a corrente do seu tempo para fazer ouvir a voz de Deus, e o apóstolo, que tudo deixa para...

O mais substancioso dos banquetes

Ao criar o homem com necessidade de se alimentar, quis Deus estabelecer na nutrição o sustento da vida natural. Esta situação é imagem da...

A justa medida do fervor eucarístico

Considerar a magnitude da generosidade divina manifestada na Eucaristia ajuda a medir qual deve ser nosso ardor por este inigualável Sacramento.   Evangelho da Solenidade de...

A Santíssima Trindade nos chama a participar de sua vida

Deus manifesta seu inesgotável amor pelos homens abrindo-lhes as portas do convívio trinitário por meio da obra redentora de seu Filho.   Evangelho da Solenidade da...