Santos em destaque

São Pedro Damião escreve sua regra – Museus Vaticanos (Cidade do Vaticano)

São Pedro Damião, Bispo e doutor da Igreja (1072). Contra seu desejo, deixou a solidão monástica, aceitando ser sagrado bispo e nomeado cardeal, para melhor servir ao Papado. Depois retomou a vida contemplativa.

Santo Eustácio, Bispo (†c. 338). Bispo de Antioquia, exilado para Trajanópolis, atual Bósnia, pelo imperador Constâncio, por defender a Fé Católica.

São Roberto Southwell, presbítero e mártir (†1595). Sacerdote da Companhia de Jesus que por muitos anos exerceu seu ministério em Londres e regiões limítrofes. Foi cruelmente torturado, encarcerado e finalmente executado em Tyburn, Londres, por ordem da rainha Isabel I.

São Germano, abade (†c. 667). Morreu assassinado por um grupo de bandidos, no mosteiro de Grandval, Suíça.

Beato Natal Pinot, presbítero e mártir (†1794). Pároco de Le Louroux-Béconnais, perto de Angers, guilhotinado durante a Revolução Francesa.

Beata Maria Henriqueta Dominici, virgem (†1894). Religiosa da Congregação das Irmãs de Sant’Ana e da Providência, ocupou durante trinta anos cargos de mestra de noviças e priora em Turim.

Ver todos os Santos deste dia no Martirológio Romano online

Leituras da Missa

Primeira leitura: Gn 9,8-15

8Disse Deus a Noé e a seus filhos: 9“Eis que vou estabelecer minha aliança convosco e com vossa descendência, 10com todos os seres vivos que estão convosco: aves, animais domésticos e selvagens, enfim, com todos os animais da terra, que saíram convosco da arca. 11Estabeleço convosco a minha aliança: nunca mais nenhuma criatura será exterminada pelas águas do dilúvio e não haverá mais dilúvio para devastar a terra”. 12E Deus disse: “Este é o sinal da aliança que coloco entre mim e vós, e todos os seres vivos que estão convosco, por todas as gerações futuras: 13ponho meu arco nas nuvens como sinal de aliança entre mim e a terra. 14Quando eu reunir as nuvens sobre a terra, aparecerá meu arco nas nuvens. 15Então eu me lembrarei de minha aliança convosco e com todas as espécies de seres vivos. E não tornará mais a haver dilúvio que faça perecer nas suas águas toda criatura”.

Salmo responsorial: Sl 24(25),4bc-5ab.6-7bc.8-9 (R.cf.10)

R. Verdade e amor, são os caminhos do Senhor.

4bMostrai-me, ó Senhor, vossos caminhos,* 4ce fazei-me conhecer a vossa estrada! 5aVossa verdade me oriente e me conduza,* 5bporque sois o Deus da minha salvação. R.

6Recordai, Senhor meu Deus, vossa ternura * e a vossa compaixão que são eternas! 7bDe mim lembrai-vos, porque sois misericórdia* 7ce sois bondade sem limites, ó Senhor! R.

8O Senhor é piedade e retidão,* e reconduz ao bom caminho os pecadores. 9Ele dirige os humildes na justiça,* e aos pobres ele ensina o seu caminho. R.

Segunda leitura: 1Pd 3,18-22

Caríssimos, 18Cristo morreu, uma vez por todas, por causa dos pecados, o justo pelos injustos, a fim de nos conduzir a Deus. Sofreu a morte na sua existência humana, mas recebeu nova vida pelo Espírito. 19No Espírito, ele foi também pregar aos espíritos na prisão, 20a saber, aos que foram desobedientes antigamente, quando Deus usava de longanimidade, nos dias em que Noé construía a arca. Nesta arca, umas poucas pessoas – oito – foram salvas por meio da água. 21À arca corresponde o batismo, que hoje é a vossa salvação. Pois o batismo não serve para limpar o corpo da imundície, mas é um pedido a Deus para obter uma boa consciência, em virtude da ressurreição de Jesus Cristo. 22Ele subiu ao céu e está à direita de Deus, submetendo-se a ele anjos, dominações e potestades.

Evangelho: Mc 1,12-15

Naquele tempo, 12o Espírito levou Jesus para o deserto. 13E ele ficou no deserto durante quarenta dias e aí foi tentado por satanás. Vivia entre os animais selvagens, e os anjos o serviam. 14Depois que João Batista foi preso, Jesus foi para a Galileia, pregando o Evangelho de Deus e dizendo: 15“O tempo já se completou e o Reino de Deus está próximo. Convertei-vos e crede no Evangelho!”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui